Refrigerante de maconha será vendido nos EUA

De acordo com empresa que comercializará a bebida, o efeito no organismo é similar ao de uma "cerveja suave


/

A partir de fevereiro os americanos do estado do Colorado vão poder comprar nas lojas o "Canna Cola", refrigerante feito com ingredientes da maconha. Cada garrafa vai custar cerca de US$ 15 e terá entre 35 e 65 miligramas de THC (tetrahidrocanabinol), o principal ingrediente psicoativo do cannabis, gênero botânico utilizado para produzir o haxixe e maconha.

De acordo com Scott Riddell, criador da empresa que comercializará a bebida, o efeito no organismo é similar ao de uma "cerveja suave".

O uso da maconha para fins medicinais é legalizado em 15 estados americanos. No entanto, as condições para seu uso mudam de um lugar para o outro, e maconha, independentemente do propósito, continua ilegal pelas leis federais

Além do sabor de cola, serão lançados os refrigerantes de "Sour Diesel" (limão), "Grape Ape" (uva), "Orange Kush" (laranja) e "Doc Weed" (inspirado na marca Dr. Pepper).

Há um projeto de lei no Congresso assinado pela senadora Dianne Feinstein, conhecido como "Brownie Law", aprovado pelo Senado no ano passado. A proposta é aumentar as penas para os que fazem produtos que misturem maconha com "algo doce".

 


1 COMENTÁRIO(S)

Saiba mais