Como está o tempo hoje

Temperatura

Máx 25º

Min 15º

Fechar [X]

[Comunicado]
A partir de 10/02/2012 os sites de Notícia do EPTV.COM e EPs
passam a integrar o portal de notícias G1/GLOBO.
Com isto nossos novos endereços para notícias serão:



Para acessar os demais sites de entretenimento como
o TERRA DA GENTE e CAMINHOS DA ROÇA clique no botão fechar acima e selecione o link desejado.

Comentário(s) - 0

Falta de energia congestiona 0800 da CPFL

Penitenciária precisou acionar gerador; companhia não sabe quantos bairros ficaram sem luz

09/06/2011 - 14:48

Da redação

Alterar o tamanho da letra A+A-

atualizada às 18h31

O problema da falta de energia em alguns bairros de Ribeirão Preto não tem um prazo para ser solucionado. A penitenciária da cidade, por exemplo, que acionou um gerador, está na lista de prioridades da Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL).

As inúmeras ocorrências congestionaram o telefone 0800. O advogado Daniel Rondi tentou contato via telefone e internet, porém, não obteve sucesso. Sem energia no bairro Ribeirânia desde às 13h30, Rondi reclama da prestação serviço. “No momento de adversidade, quando a gente mais precisa, tudo sai do ar. Tentei o atendimento on-line e eu recebi a seguinte mensagem: ‘todos os operadores estão ocupados’, o que a gente não sabe se é verdade ou não”, disse.

A internauta Michela Aparecida da Silva, que mora no bairro Campos Elíseos, cobra um melhor atendimento. “Que estrutura é essa da CPFL? Toda vez que chove, a gente fica sem energia. Preciso fazer comida para a minha filha, mas não tem jeito. Estou sem luz desde às 13h e a previsão que é eles religuem às 16h”, desabafou.

De acordo com o gerente de contas da CPFL, Luis Carlos Valle, não há um número exato de bairros sem energia. “Não temos como contabilizar. Temos vários casos de cabos rompidos, postes danificados e árvores caídas. Estamos recebendo diversas ocorrências e muitas ainda nem chegaram até nós. Teremos um balanço no fim da tarde”, afirmou.

Segundo a companhia, na região de Ribeirão Preto, 85 equipes da CPFL Paulista trabalham para restabelecer o fornecimento de energia, interrompido pelas fortes chuvas. Nas cidades de Ipuã, Franca, Pedregulho, Altinópolis, Barretos, São Simão, São Joaquim da Barra, Morro Agudo, Araraquara e Ribeirão Preto, 250 profissionais, entre engenheiros, técnicos e eletricistas, estão atendendo e solucionando uma média de 80 ocorrências por hora. A previsão é de que o serviço seja normalizado até às 20h30 para 96% dos clientes.

Valle explica ainda que o canal com consumidor é pelo número 0800-774-4120. Como a chuva atingiu boa parte do estado de São Paulo, as linhas estão congestionadas. 

Mais Notícias