EPNoticia.com

Comentário(s) - 5

Vigilante morre em troca de tiros entre PM e ladrões de caixa eletrônico

Quatro suspeitos de participarem do assalto foram ouvidos e liberados

19/09/2011 - 11:22

EPTV

Alterar o tamanho da letra A+A-

Atualizada às 17h54

Baixe o Adobe Flash PlayerBaixe o Adobe Flash Player

Um vigilante morreu baleado durante uma troca de tiros entre policiais e ladrões de um caixa eletrônico, instalado dentro de um mercado, no Centro de Taiaçu, na madrugada desta segunda-feira (19).

Veja fotos do local onde houve o tiroteio

Segundo informações da Polícia Militar, quatro homens armados chegaram em um carro e em uma motocicleta, invadiram o estabelecimento e cobriram a porta de vidro com uma lona preta.

O vigilante do bairro, Aparecido Lufrano, de 45 anos, desconfiou da porta do mercado coberta e entrou no local para verificar, sendo rendido pelos bandidos.

A polícia foi chamada por um morador vizinho ao mercado. Dois policiais fizeram um cerco no local e houve troca de tiros com os ladrões. Os disparos atingiram as costas e a barriga de Lufrano, que morreu na hora. 

Quatro suspeitos de participarem do assalto foram ouvidos e, posteriormente, liberados.

O filho da vítima, Wesley Thiago Barros, de 20 anos, acredita que o pai foi morto pelos policiais. “Chegaram atirando nele. Faz 15 anos que ele trabalha de guarda e os policiais não conhecem ele? Como que não ia conhecer", afirmou.

Segundo a polícia, o vigilante teria esboçado um gesto típico de reação, tendo, então, sido alvejado por diversos disparos de arma de fogo. Ainda de acordo com a polícia, Lufrano foi socorrido pelos próprios policiais, mas não resistiu aos diversos ferimentos.

No local, a polícia encontrou ferramentas, um maçarico para corte de metais e a lona que teria sido fixada para impedir a visualização externa. A Polícia Civil de Taiaçu apreendeu as armas de fogo utilizadas pelos policiais militares e requisitou perícia.

O Delegado Carlos Arnaldo Nicodemos Andrade abriu inquérito e disse que, se necessário, irá fazer a reconstituição do tiroteio.
 

Interatividade

Boné Terra da Gente
Boné Terra da Gente